Hélio Contabilidade

Notícias

Benefícios flexíveis: o que são e por que oferecer em sua empresa

Modalidade tem sido ferramenta estratégica para a nova realidade das empresas.

Autor: Luiz Affonso MehlFonte: O Autor

Modalidade tem sido ferramenta estratégica para a nova realidade das empresas.

Os benefícios flexíveis tornaram-se ferramentas estratégicas para atender a nova realidade das empresas. Cada vez mais atentas à importância da diversidade das equipes e diante das mudanças impostas pela Covid-19 na rotina de trabalho, as companhias têm pensado novas alternativas para assegurar a motivação e a produtividade.

Para a diretora de Inovação e Transformação Digital da Associação Brasileira de Recursos Humanos de São Paulo (ABRH-SP), Janine Goulart, é comprovado que os benefícios contribuem para a motivação, o engajamento, a atração e a retenção de talentos.

Em publicação feita no site da instituição, a especialista destaca que os benefícios flexíveis têm se tornado uma opção para as empresas por conta do aumento da presença de várias gerações de profissionais nas equipes e, consequentemente, das diferenças de prioridades entre elas.

Ainda de acordo com Janine, outro motivo que vem favorecendo a implantação dessa modalidade é o contexto da pandemia. À medida que os trabalhadores modificaram o estilo de vida e as prioridades nesse período, as empresas precisaram adaptar as políticas de gestão.

Benefícios flexíveis se adequam à realidade do colaborador

Os benefícios flexíveis permitem que o trabalhador possa adaptar o pacote oferecido pela empresa de acordo com a sua realidade. Na prática, o empregador determina um valor ou um sistema de pontuação que pode ser utilizado em diferentes tipos de benefícios, ficando a cargo do colaborador escolher como utilizá-lo.

Assim, o profissional que tem filhos pode, por exemplo, optar pelo auxílio-creche, enquanto aquele que não tem crianças pode preferir realizar um curso de idiomas. Quem está no trabalho remoto pode achar mais interessante receber um auxílio financeiro para o home office.

Esse tipo de benefício permite oferecer serviços que complementam os tradicionais plano de saúde, vale-alimentação e vale-refeição. Podem incorporar opções como auxílio para terapia, descontos em academia, participação em clube ou atividades recreativas, plano odontológico, reembolso para cursos e atividades educacionais, seguro de vida, vale-cultura, dentre outros.

A flexibilidade na política de benefícios oferece maior satisfação aos funcionários, que têm a oportunidade de usar os recursos de acordo com a sua necessidade. Essa motivação traz vantagens também para as empresas. Por isso, os benefícios flexíveis são tendência mundial e estão ganhando cada vez mais espaço no Brasil.

Motivos para oferecer benefícios flexíveis

A oferta de benefícios flexíveis é considerada um diferencial competitivo no mercado tanto para atrair quanto reter talentos. Pesquisa realizada pelo Glassdoor, portal americano que recebe a avaliação de funcionários e ex-funcionários sobre suas experiências nas empresas, revelou que 57% dos entrevistados consideram os benefícios flexíveis um dos principais motivos para aceitar ou permanecer no emprego.

Além disso, o poder de escolha dado ao colaborador aumenta a sua satisfação e, nesse sentido, é preciso considerar as vantagens de ter uma equipe motivada. A motivação dos profissionais estabelece um ambiente corporativo saudável e mais agradável. Também se traduz em maior engajamento e produtividade.

Como implantar benefícios flexíveis na empresa

A política de benefícios flexíveis pode ser implantada por empresas de todos os portes e setores. O mais importante é que ela esteja alinhada com os colaboradores. Por isso, é aconselhável realizar uma pesquisa com a equipe para saber quais benefícios serão incluídos no pacote.

É importante assegurar a equidade no tratamento dos profissionais. Por isso, deve ser estabelecido o mesmo valor ou pontuação, conforme o sistema adotado pela empresa, para aqueles que ocupam o mesmo cargo, para que todos tenham a percepção de estar recebendo o mesmo, independentemente do tipo de benefício flexível aos quais decidiram aderir.

Após a definição dos benefícios que serão ofertados no pacote e o sistema para a sua utilização, a empresa deverá apresentar oficialmente o novo modelo aos colaboradores. Também é recomendável incluir esta informação no Acordo Coletivo de Trabalho.

Últimas Notícias

  • Empresariais
  • Técnicas
  • Estaduais
  • Artigos
  • Melhores

Agenda Tributária

Período: Setembro/2021
D S T Q Q S S
   01020304
05060708091011
12131415161718
19202122232425
2627282930

Cotação Dólar